IMPOSIÇÃO NÃO É NEGOCIAÇÃO

É com profundo pesar que informamos que embora nossa entidade sindical tenha empenhado forças em prol de nossa categoria, tendo inclusive sediado em nível estadual encontro na cidade de Bauru para negociação da Convenção Coletiva de Trabalho de 2017/2018, nossas solicitações não foram sequer apreciadas! De forma insensata e padronizada em todo Estado de São Paulo o sindicato patronal limitou a impor o índice do INPC de 1,63% com a RETIRADA de todos os demais direitos garantidos nas Convenções anteriores. Tal índice é irrisório e não reflete a importância do ser humano no exercício de suas atribuições e responsabilidades profissionais na linha de frente de um condomínio. Inobstante e não esgotadas as vias extrajudiciais e judiciais é nosso dever informá-los do andamento da negociação em razão do prazo da data base ter extrapolado. Nesse compasso síndicos e empresas gerenciadoras de condomínios que valorizam seus obreiros vem buscando soluções junto ao sindicato profissional e sistematicamente são analisadas ponto a ponto em beneficio dos trabalhadores. Sendo essas as informações para o momento, renovamos por nossos assistidos nossa estima e distinta consideração.

ELZA EUGÊNIO PINTO
Presidente